segunda-feira, 10 de maio de 2010

Sem reparos...

O Avaí goleou na noite deste domingo (9), o Grêmio Prudente. Um merecido presente às mamães azurras, em um lindo e frio domingo de estreia das duas equipes no Campeonato Brasileiro da Série A, com o placar elástico de 6 x 1, fruto da superioridade técnica do Avaí na partida e de duas expulsões de jogadores da equipe adversária.

O Leão começa mostrando quem manda na Ressacada, aos 4 minutos, Uendel cruza da direita e Patric bate forte. A zaga adversária afasta a bola. Cinco minutos depois, Davi bate falta, e com o auxílio do vento, quase surpreende o goleiro adversário, que faz boa defesa tocando a bola para escanteio. Na cobrança do próprio Davi, Emerson sobe mais que a zaga adversária e toda para o fundo das redes.

O Avaí se mantém bem em campo, mas o adversário com muita qualidade começa a se achar em campo e aos 25 minutos, depois de cobrança de falta em Willian, se antecipa de cabeça e empata a partida.


Aos 36 minutos acontece o primeiro lance que iria mudar os rumos da partida. Depois de uma bela metida de bola de Caio, Roberto com muita velocidade entra na área e é derrubado pelo último homem da defesa adversária. Falta bem marcada e cartão vermelho. Perfeita a arbitragem no lance.

Aos 44 minutos, depois de mais uma cobrança de falta de Davi, a bola sobra para o zagueiro Emerson, que sem dificuldades toca para a rede, colocando novamente o Avaí em vantagem na partida. Quando todos aguardavam o término da primeira etapa da maneira em que estava, o camisa dez do Grêmio Prudente, puxa Emerson Nunes pela camisa, como já tinha cartão amarelo recebeu o segundo e por conseqüência o vermelho.

O segundo tempo
Com dois jogadores a mais, o Leão não teve piedade do adversário. Partiu para cima e exerceu durante toda a segunda etapa uma marcação na saída de bola.

A pressão avaiana começa a surtir efeito logo aos 7 minutos quando Roberto recebe a bola e de fora da área acerta o ângulo do goleiro adversário, fazendo o terceiro gol avaiano.

O Avaí permanece soberano em campo, e volta a marcar aos 20 e 27 minutos. Duas vezes com Caio. O segundo, uma pancada de fora da área, sem chances para o goleiro Márcio. Merece destaque o primeiro gol marcado por Caio: uma pintura, depois de driblar um zagueiro dentro da área adversária ele toca magistralmente a bola na “gaveta”. Um golaço.

Já no apagar das luzes, Emerson coloca a cereja do bolo. Aos 44 minutos, depois da bola sobrar para Roberto, este bate rasteiro para dentro da área e Emerson, com muito oportunismo, e de calcanhar, marca o sexto gol avaiano e o terceiro gol dele, o que deu direito até a pedir gol no Fantástico.

O Leão volta a campo pela série A do Campeonato Brasileiro no próximo domingo, quando vai as Alterosas, enfrentar a equipe do Cruzeiro, as 18h30, no Mineirão.

Confira os gols:



Individualmente
A equipe avaiana foi um todo, Zé Carlos não teve culpa no gol e foi bem quando exigido. Rafael e Emerson Nunes sempre muito firmes, Emerson fez três gols e foi o grande destaque da noite.
Uendel esteve muito bem na partida, apoiou muito e foi bem quando precisou auxiliar a defesa. Patric sempre muito forte no ataque, mas se sai melhor quando Emerson Nunes está em campo para cobrir suas subidas.
No meio Rudnei fez uma boa partida,Marcinho Guerreiro como sempre muito firme e Caio fez belíssima partida inclusive marcando dois gols.
Davi esteve muito sonolento em campo e acabou destoando dos demais e Roberto foi um dos pontos fortes em nosso ataque, correndo muito e finalizando a gol.
Cristian, Diego Orlando e Robinho entraram nos lugares de Emerson Nunes, Marcinho Guerreiro e Davi, sendo que Diego Orlando mostrou boa qualidade e domínio de bola, em que pese o adversário estar com dois jogadores a menos. Os outros dois substitutos não entraram bem no jogo.

Ficha técnica
AVAÍ ( 6 ) - Zé Carlos; Émerson Nunes (Cristian), Rafael, Emerson; Patric, Marcinho Guerreiro (Diogo Orlando), Rudnei, Caio, Uendel; Davi (Robinho) e Roberto.Técnico: Péricles Chamusca.

GRÊMIO PRUDENTE ( 1 ) - Márcio; Paulo César, Paulão, Leonardo, Diego; João Vítor, Marcelo Oliveira, Carlos Eduardo, Henrique Dias (Dênis); Willian (Sasha) e Flavinho (Anderson).Técnico: Toninho Cecílio.

Gols: Emerson (A), aos nove e 43; Willian (P), aos 25 minutos do primeiro tempo. Roberto (A), aos sete, e Caio (A), aos 20 e 27; Emerson (A), aos 44 minutos do segundo tempo.Cartões amarelos: João Vitor (P), Patric (A).

Cartões vermelhos: Paulão e Carlos Eduardo (P).
Arbitragem: Djalma Beltrami Teixeira, auxiliado por Hilton Moutinho Rodrigues e Jackson dos Santos (Trio do RJ).
Local: Estádio da Ressacada, em Florianópolis.
Público: 6.868 pessoas.
Renda: R$ 35.000.

Foto: Flávio Neves - clic RBS

2 comentários:

André Rodrigues disse...

Discordo apenas quanto ao Robinho... ele entrou bem melhor que o Davi e deixou o Cristian na cara do gol com grande passe. Deixou dúvida no técnico para o próximo jogo, embora Davi tenha mais experiência e isso vai pesar!

Blog da Chuleta Avaiana disse...

André Rodrigues!
Realmente, fizeste lembrar de uma jogada que acabamos esquecendo.
Tens razão numa coisa: esteve bem melhor do que o Davi. Porém, quanto a dúvida de Chamusca, fica mais difícil.
O técnico sempre prestigia seus titulares e Davi foi de suma importância nos jogos finais.
Abraços!
Chuleta Avaiana