quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Desculpe mas eu vou chorar

Por Sandro Azevedo*

Salve Alvicelestes,

Para quem não conhece, o título do post é uma música cantada por Fábio Júnior, de composição de César Augusto/Gabriel, muito propícia para esta quarta feira maravilhosa. Esses sites que fazem projeções são uma grande ilusão, que na maioria das vezes se torna uma dura realidade, como no caso do rival do continente, que já estavam fazendo contagem regressiva, sonhando com o título brasileiro pois já se cogitava 99% de chances de acesso e 87% de possibilidade de levantar o caneco, mas na reta final estão amarelando.

Nas últimas cinco rodadas, o tombense saiu atrás do placar em 4 partidas e só venceu o São Caetano porque o árbitro não anotou um pênalti em favor do time paulista. Se a rodada for perfeita, até a décima primeira posição poderá ingressar na casa dos 30 pontos, o campeonato é longo, na próxima partida enfrentarão o Náutico, num estádio que condiz com a atual situação vivida por nosso rival, pois já estão todos aflitos! Finalmente as contusões apareceram e o time mostrou sua verdadeira cara, além disso, estão com oito jogadores pendurados com segundo cartão, Ygor ainda deve ficar de fora mais duas semanas, franguwilson admitiu na entrevista após o jogo que está entrando em campo no sacrifício devidos as dores musculares, Maicon foi expulso e também não joga, enfim, a situação complicou muito.

Tenho certeza que no fim do segundo turno, a música mais tocada será “Não sei quando é que vou voltar”, também de Fábio Júnior, composição de Marinho Marcos, pois estão amarelando, uai. Aliás, nesta quarta feira, os avaianos podem aproveitar a vitória do time americano, para acompanhar o noticiário esportivo degustando a deliciosa culinária mineira. Podemos começar a manhã, vendo o gol do jogo comendo um pão de queijo, um bolinho de fubá e um doce de leite, acompanhado de café mineiro; no almoço, indicaria assistir o Jornal do Almoço ou o Globo Esporte, degustando uma feijoada ou um feijão mineiro e beber uma caipirinha mineira; para fechar o dia, poderíamos rever o gol no TVCOM esportes, saboreando um arroz de carreteiro ou um virado de couve e bacon, desta vez acompanhado com um mamão maluco, depois é só esperar o jogão de quinta feira.

O trem bão!

*Sandro Azevedo é advogado, sócio e torcedor do Avaí. Jogador muito amador, mas sempre leal do time Traíras. Também conhecido pelo pseudônimo Coelho, foi convidado especial para assistir (na torcida do time da casa) de corpo presente Chororo 1 x 7 tricolor, uma noite inesquecível.

Obs: O artigo não reflete, necessariamente, a opinião do Blog da Chuleta Avaiana.

Siga a Chuleta Avaiana no twitter (@chuletaavaiana)

Cadastre-se como seguidor do Blog da Chuleta! Clique no botão "Seguir", na coluna a direita do Blog...em breve, promoções exclusivas para seguidores do Blog da Chuleta

6 comentários:

George disse...

Hehehehe. Mandei uma msg parecida ao André Couto, pede pra ele te encaminhar, ou passa o teu e-mail.
Abraços!

GiSevero disse...

Dentro do repertório do dia eu também gosto de:

Senta aqui!
Não tenha tanta pressa
Senta aqui!
Porque toda essa angústia?
Não fique aí tão quieta
Quebra o teu silêncio
Se abre comigo...
hahahahahahahahahahaha

UUUURRRRRRRRRRRRRRRAAAAAAAAAAAA LEÃO!

Sergio disse...

Encontrei com o amigo Marcio Borges, comentavamos nossa queda de rendimento. Estando na elite e nossa fase é so um contra tempo, mas sonho de pobre é soda, logo vira pesadelo, os gavioes estao sendo depenados e a vaquinha preta e branca esta indo pro brejo. Bastou começar a enfrentar times concorrentes a subida que a decida começou. O campeonato é longo, sem janela e ajuda do juiz periga os gambas voltarem de onde nunca deveriam ter saido, a Terceirona.

AZEVEDO disse...

Prezado George,

Vou ver com o Couto, valeu, grande abraço.

A semana começou de forma brilhante.

AZEVEDO disse...

Olá Gi,

Foi um ótimo jogo, e agora em diante será só alegria, para nós é claro.

AZEVEDO disse...

Nobre Sérgio,

Realmente, eu já imaginava, é difícil um time se manter no auge num campeonato tão longo, eles estavam sempre com o mesmo time, mas agora surgiram as contusões, os cartões e a pressão....amarelaram...tomaram que continuem assim...