terça-feira, 7 de junho de 2011

Apertem os cintos...

Presidente do Conselho Deliberativo, Alexandre Espíndola, e seu vice, Fábio Botelho, renunciaram na noite desta segunda-feira (06).
Um dos argumentos utilizados pelo ex-presidente do conselho ao deixar o cargo foi de que não concordava com algumas atitudes da diretora executiva.
Possivelmente, como apurou o blog, o problema está relacionado a questões financeiras. Primeiro foi a informação de que os prêmios da Copa do Brasil estariam supostamente atrasados desde a vitória contra o Botafogo. Depois veio o pedido dos jogadores, que queriam como prêmio para classificação à próxima fase da Copa do Brasil, no jogo diante do Vasco, a renda da partida, pleito que não foi atendido pela diretoria.

Para completar a insatisfação, as negociações de Marquinhos e Renan não foram bem digeridas. O craque avaiano teria sido transferido para o Grêmio a preço de banana, e os valores recebidos pela negociação do goleiro Renan com o Corinthians, também não teriam agradado.
Certo é que, parece, que o até então ovacionado presidente Zunino está começando a ter, mesmo que ainda timidamente, uma pequena oposição pelos lados da Ressacada.
Realmente a "coza" anda sinistra no velho Caldeirão azurra. Silas vai, Espíndola foi...e agora, José? Vamos aguardar os próximos capítulos...

5 comentários:

GiSevero disse...

Vou repetir: vão-se os anéis, ficam os dedos.

Quando acontece um naufrágio vocês sabem que são os primeiros a 'abandonar' o barco?

Ah, pois é...

Anônimo disse...

Chuleta, chuleta. Meu ultimo comentário em outro blog, havia alertado que estava ruim e que ficaria pior se nós avaianos não se aquietassem.
Na saida do Espindola, perderam os dois, porém, faltou ao presidente do CD um equilibrio para perceber que o momento do Avai não é bom e que ele jogou gasolina na fogueira, dando noticias para a RBS/CBN, que tanto criticamos.
Deveria deixar baixar a poeira e então tomar a decisão. Os membros do CD não estão chateados com a venda, compra ou negocios realizados, até porque não analisaram os balancetes. Se o presidente do CD perdeu espaço, com sua capacidade, poderia recupera-lo e não abandonar o barco em meio da tormenta.
abs
décio sardá
Conselheiro

Serjão Jr disse...

A coisa estava preta, agora alem de preta esta sinistra.

Dinho 音楽、愛、平和と信仰 disse...

É, abandonar o barco antes que afunde é mais fácil.. Desse jeito tá difícil, nosso CD e Presidente não se entendem e o reflexo disso já sabemos.
Acorda Diretoria!!!

#ReageLeão

Chuleta Avaiana disse...

Amigos, definitivamente, a situação é muito preocupante. Se algo não for feito rapidamente e nosso barco continuar a deriva, nosso fim todos vocês já sabem, né? Segunda divisão. Um abraço da Chuleta Avaiana.