quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Mais uma derrota!!!

O Avaí voltou a perder na tarde de ontem no Campeonato Brasileiro. Mesmo saindo na frente, sob muita chuva, o Avaí não conseguiu segurar o placar e cedeu a virada para a equipe do Santos por 2x1.

Na partida de ontem o que menos se viu foi futebol, as condições de gramado não permitiam que as equipes praticassem um futebol de melhor qualidade ( se é que o Avaí tem qualidade diferente da demonstrada ontem).

Sem qualquer técnica as equipes tentavam no balão e bolas cruzadas chegar ao gol adversário.

Em uma dessas jogadas, Willian, na entrada da área toca para Lincoln, que ao ajeitar a bola adianta demais e dá um belo mergulho, o juiz Gutemberg de Freitas, de maneira errada marca pênalti. Na cobrança Willian marca o gol avaiano, eram jogados 33 minutos.

Depois do gol avaiano pouca coisa aconteceu, de proveitoso a bela defesa de Rafael Santos depois de uma cabeçada de Edu Dracena aos 41 minutos.

O segundo tempo começa com a equipe santista tentando impor seu melhor futebol, o time avaiano acaba se postando mais defensivamente para tentar sair no contra-ataque que simplesmente não existiu.

O gol dos visitantes parecia questão de tempo, aos 13 minutos Borges chuta para a boa defesa do goleiro avaiano, na seqüencia Neymar também faz o goleiro azurra trabalhar.

Aos 25 minutos, o Santos que tentava jogar com a bola no chão, trabalhou a jogada na entrada da área, Borges, depois de passar pela zaga avaiana que ficou assistindo a jogada santista, passou pelo goleiro avaiano e fez o gol de empate santista.

Depois do empate santista o técnico avaiano troca o desenterrado Batista ( parceria forte essa do Avaí), e coloca Rafael Coelho.

De nada adiantou a substituição promovida por Cecílio, aos 31 minutos depois de mais uma clamorosa e vergonhosa falha da defesa avaiana, Felipe Anderson bate forte para fazer o segundo gol dos visitantes e dar números finais a partida.


O Avaí volta a campo no próximo sábado (11), na Arena de Jacaré em Sete Lagoas onde enfrenta o lanterna da competição o América/MG.

FICHA TÉCNICA

AVAÍ (1) Rafael Santos; Arlan, Gustavo Bastos, Dirceu e Romano; Bruno, Batista (Rafael Coelho), Pedro Ken (Leandrinho) e Lincoln; Robinho (Cleverson) e William Técnico: Toninho Cecílio

SANTOS (2) Rafael; Danilo, Edu Dracena, Bruno e Léo; Adriano (Felipe Anderson), Henrique (Bruno Aguiar), Elano (Éder Lima) e Allan Kardec; Neymar e Borges Técnico: Muricy Ramalho
Gols: William, de pênalti, aos 33 minutos do primeiro tempo para o Avaí. Borges empatou aos 25 minutos do segundo tempo para o Santos. Felipe Anderson, aos 31, marcou o segundo para o Santos.

Arbitragem: Gutemberg de Paula Fonseca auxiliado por Ediney Guerreiro Mascarenhas e Jackson Massara dos Santos.

Cartões: Lincoln (A), Robinho (A), William (A), Romano (A), Danilo (S), Edu Dracena (S), Adriano (S), Elano (S).

Público total: 5.920
Renda: R$ 66.950

2 comentários:

Serjão Jr disse...

Toninho Cecílio. Dois jogos frente a equipe azurra, duas derrotas.
Graças a sua inércia em substituir tardiamente algumas peças Avaianas, entre elas Batista, nossa tarde e noite ficou azeda. Sobre seu comando repetimos todos os erros dos técnicos anteriores e passamos a tomar dois gols a cada partida. Dizer que o time do Santos e o jogo estava difícil, jamais. Jogamos um primeiro tempo perfeito, só começamos a entregar a rapadura aos 25 minutos do segundo tempo. Como Lincoln vai continuar marcando gols de cabeça se o inteligente do TC o colocou para bater faltas e escanteios? O Santos atacando e William isolado na frente fazendo o papel de pára-brisa. Até quando nossos técnicos vão achar que isso vai dar certo? Sempre soube que para organizar um time se começa pela defesa, 46 gols em 22 jogos, vamos combinar é inadmissível. Sinceramente já estou achando que alguns jogadores estão de ma vontade com o Avaí . Cito o caso de Cleverson, o cara na Chapecoense era um craque, no Avaí consegue ser mais sonolento que Batista e Pedro Ken. Gustavo Bastos é um grande animador de torcida e lembra muito aqueles caras que fazem jogo para torcida, dão carrinho na lateral, mas na hora que é para jogar serio facilita as coisa para o adversário. Não foi só ontem que perdemos por sua culpa. Esta na hora de ser mais responsável, jogar mais e para de fazer media com a torcida. Não adianta dar carrinho ou sair rasgando em laterais e tomar dribles bisonhos na entrada da área. Precisamos que Betinho assuma outra vez o Avaí e Toninho fique na arquibancada, assim quem sabe ele veja o jogo que estamos assistindo. Apesar da nossa 12ª derrota, os adversários diretos do Avaí também perderam. Isso vem ocorrendo, mas infelizmente o Avaí não vem aproveitando. Até o jogo contra nosso concorrente America MG eu acredido. Depois so um milagre. Mas com só Bruno, Lincoln e William jogando profissionalmente e com amor a camisa fica difícil. Com chuva, campanha ridícula, próximo de 6.000 mil torcedores a incentivar o time. Ninguem merece, o que estão fazendo com o torcedor Avaiano é desumano. Ta f.oda!

Dinho 音楽、愛、平和と信仰 disse...

Os mesmos erros de sempre, a mesma sina de tomar uma virada. Nossa zaga faz jus a posição, uma das piores do Brasil, aliás, uma das piores que já ví no Avaí. na minha opinião, só com Cássio, Rafael, Caçapa vamos melhorar nesse setor. Somente. Mas, é levantar a cabeça, é buscar 3 pontos fora. temos que acreditar!