quarta-feira, 4 de julho de 2012

Promoção não recupera credibilidade! – Parte II

Para quem entende o contrário, basta lembrar-se da final do Estadual diante do time mais vezes vice-campeão do Estado. O Avaí ressuscitou depois de uma iminente eliminação, conquistou a vaga na final numa partida sofrida em Chapecó e na sequência enfrentou o maior rival dentro do Estado de Santa Catarina. 

Todos estes ingredientes seriam suficientes para lotar a Ressacada e muitos imaginam presenciar públicos semelhantes aos que tivemos contra Botafogo e Santos e 2010. Contudo, na primeira partida, ficou óbvio que a torcida está com o orgulho ferido e a conseqüência estava visível nas arquibancadas, onde claramente, saltavam aos olhos os lugares vazios. 

O torcedor também é um consumidor e não deve, na minha opinião, se submeter a todo tipo de humilhação em prol de um clube que não valoriza à sua presença! Ora, ao invés de insistir com promoções constantes, porque não definem logo um preço acessível ao torcedor?

Não estamos falando daqueles “verdadeiros avaianos”, mas sim, dos que levam apoio no aeroporto com o time passando um campeonato inteiro na zona de rebaixamento; organizando nas redes sociais apoio na chegada ao estádio e em treinos; passam à noite no sereno para adquirir ingressos; enfim, aqueles que efetivamente amam o clube e não voltam correndo por qualquer promoção de fim de feira!

Ainda não entenderam o recado? Vou ser mais claro: QUEREMOS CREDIBILIDADE E TRANSPARÊNCIA! NÃO, FALSAS PROMOÇÕES ESPORÁDICAS!

2 comentários:

Serjão Jr disse...

(...)porque não definem logo um preço acessível ao torcedor? QUEREMOS CREDIBILIDADE E TRANSPARÊNCIA! NÃO, FALSAS PROMOÇÕES ESPORÁDICAS!
Matou a pau!

Anônimo disse...

Onde é que eu assino por favor !!!!

Abracos
Marcelo Alves