sexta-feira, 26 de março de 2010

Ele disse isso... Mas acoberta seus parceiros!

Em notícia postada no clicrbs, às 13h04min, o ex-integrante da torcida Gaviões, Tenente-coronel Newton Ramlow, afirma que os foguetes arremessados no campo saíram do setor onde estava a organizada do Leão. Até aqui, não há novidade alguma. O que ele não respondeu, é por que a PM não prendeu o referido “cidadão”, que foi identificado e retirado da arquibancada pela própria Mancha Azul?

Diz o alvinegro militar, que a Mancha Azul está na mira da PM. Segundo a matéria, ele acha inadmissível continuar permitindo a entrada de torcedores que vão ao estádio promover confusão. Seriam realmente torcedores? Como ex-integrante de uma delas, talvez tenha conhecimento de causa.

Foi o pessoal da Mancha, isso nós temos certeza. Estamos enviando um relatório para a FCF, que deve tomar as devidas providências. Entendemos que precisa haver alguma punição, disse Ramlow, textualmente na matéria do clicrbs.
Afirma o Tenente-coronel Ramlow, que o torcedor ainda não foi identificado. Ou ele está mentindo ou está muito mal informado. Basta ler o post da Chuleta Avaiana, “A pergunta que não quer calar”.

Segundo o Tenente-coronel, o autor do fato teria se misturado aos demais integrantes da torcida, o que dificultou a abordagem. Sinistro, muito sinistro!

Pelo que narra o militar, ao protegerem o árbitro Luiz Orlando de Souza na saída de campo, uma pedra foi jogada na mesma direção e acertou o capacete do policial, identificado apenas como soldado Lima. Pois é: mas na súmula o policial não teria se machucado no pé? Pelo visto, o enredo foi mal decorado...

O tenente-coronel disse ainda ter fotos de integrantes da Mancha Azul fazendo pichações no Centro da cidade. Realmente, pichar muros ou prédios no Centro da cidade, é coisa muito feia...

Porém, feio mesmo é outra coisa. Na segunda-feira passada, 9 “elementos” vestidos com a camiseta envergada pelo Tenente-coronel em outros tempos, ocupando dois automóveis, estiveram na Secretaria e na bilheteria da Ressacada, intimidando as pessoas que ali trabalham, na busca de ingressos. Na Secretaria, não tiveram sucesso, até porque eles não são vendidos ali. Ao se dirigirem para a bilheteria do estádio, um deles fez-se ver portando arma e que queriam os ingressos a todo custo. Ameaças e tentativa de roubo!

O fato, devidamente abafado pelo Avaí para não acirrar os ânimos na véspera de um clássico, foi registrado em Boletim de Ocorrência na Delegacia de Polícia do bairro Saco dos Limões. Diga-se de passagem, os “elementos” são figuras conhecidas, o que facilitou a identificação e o respectivo registro de BO no DP.

Será que o vaidoso Tenente-coronel, ávido por câmeras e microfones, também não soube deste fato? Será que tomará as devidas providências com o mesmo afinco que procura crucificar a Mancha Azul?


mancha_dc

2 comentários:

Anônimo disse...

kkk é uma piada mesmo.

Só botar o nome do homi no google que dá pra ter noção do tipo de gente que é.

Rafael Vidal Eleutério disse...

eu heim... matou a pau!