terça-feira, 30 de novembro de 2010

Salles Júnior, simplesmente, o melhor!

O futebol é emocionante, mas não existe coisa melhor que assistir ao vivo, junto com os amigos, familiares, com desconhecidos, sentindo aquele calor das arquibancadas, não falamos do sol escaldante, mas da paixão do torcedor pelo seu clube de coração. No domingo, a Ressacada explodiu como um vulcão, espalhando a felicidade azurra por toda ilha e certamente por diversos cantos do Mundo, afinal, somos internacionais, a nação azurra está espalhada por todos os continentes, ao contrário do time do continente, pois quem não tem sequer passaporte, só resta festejar nos porões do futebol, sem muito glamour.


Entretanto, por uma série de dificuldades, prioridades ou impossibilidades, muitos torcedores não comparecem na Ressacada, então só resta ver os jogos pela TV, com o avanço da mídia, tem a possibilidade de ver e escutar pela internet ou ouvir através do velho amigo rádio. Geralmente, através destes meios de comunicação, a emoção não é a mesma, o torcedor não consegue sentir aquele abraço na comemoração, um aperto de mão anônimo, presenciar lágrimas de pessoas que a gente nunca viu, em especial vindo dos homens, pois nosso orgulho e a cultura machista, muitas vezes nos impede de expor nossos sentimentos, mas com o Avaí é diferente, afinal, até mesmo aquele mais durão, não resiste a emoção que se espalha no coração da maior e mais apaixonada torcida de Santa Catarina.
Sabemos que pela TV não é a mesma coisa e pelo rádio, a situação fica mais complicada ainda. O narrador não pode cair na vala comum e ficar apenas ditando o jogo, muito menos aumentando ou diminuindo a emoção de um lance. A partida deve ter uma dose de emoção, para que o torcedor que está no outro lado do rádio, sinta-se pendurado no alambrado com o jogador que fez o gol do seu time correndo em sua direção. Aqui em Santa Catarina, temos um Avaí dos rádios, Salles Júnior. Assistindo aos gols do leão no início desta semana, foi impossível conter as lágrimas com a narração deste gigante “anônimo”, pois geralmente se conhece o narrador, o comentarista da televisão, mas dificilmente as pessoas ligam a imagem de uma pessoa aquela que transmite os jogos através das ondas AM.

Enfim, fica impossível encontrar adjetivos para qualificar este magnífico narrador, simplesmente, é o melhor!

7 comentários:

Sergio Jr disse...

Daquela turma um dos poucos que se salvam. Narraçao com emoçao e um tremendo pé quente pro-Avai. Pena que alguns sapos, abutres e algunmas aves de rapina nao se aposentam.

JAISON EDUARDO disse...

O Salles é um monstro sagrado do radio,eu particularmente destesto o outro que pra mim da azar que é o sr.Alano.

Chuleta Avaiana disse...

Amigos alvicelestes,

Nosso amigo Salles Junior já foi até criticado pelo pessoal do Tombense, devido as suas narrações apaixonadas e emocionantes.

Esse é o camisa 10 da rádio esportiva, não tem ninguém melhor para se ouvir um gol do leão!

lembro da entrevista dele no DVD do acesso, sobre o gol do Martini, o cara é pé quente!

Abs.

marnei disse...

Olha coelho...sua alegria no domingo é comparavel com a saida de um parenta do presídio...comemorar o que e porque??? ou agora o benazzi é o melhor...os zé manguaça são evangelicos e não tomam mais???vc mesmo falu que iria colocar m....no ventilador, e agora???comemorar o que cara palida...vai racha uma lenha....

Chuleta Avaiana disse...

Amigo Marnei,

Nada mudou, muitos jogadores não servem para o leão, com certeza 2011 será um ano marcante, principalmente porque a torcida deverá atuar de forma mais ativa!

Muitos "atletas profissionais" estão deixando a Ressacada. Mas o amigo não precisa cuidar da nossa equipe, cuide do seu time colorido, rsrs

Ficamos sabendo que vão lançar uma camisa rosa, muito fashion, para comemorar o acesso! kkkk

Abs.

bruna salles disse...

aeeee paaai haha

Chuleta Avaiana disse...

Bruna,

Se realmente vc é filha do Salles, nossos parabéns.....o acra é fantástico!