terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Benazzi renovou, só falta um técnico!


O Avaí anunciou na noite desta segunda feira 13.12.2010, a renovação do contrato de Vagner Benazzi até final de 2011. O falador “treinador” já havia concedido entrevista quando chegou na Ressacada, afirmando que não assinava contrato para ganhar pouco, portanto, deve ter recebido uma proposta muito boa para continuar no sul da ilha, usufruindo da socialização de custos. Além disso, somos o único time com dois “técnicos”, Benazzi comanda os jogos oficiais, enquanto Edson Neguinho “orienta” a equipe nos coletivos e treinamentos, deve estar sobrando dinheiro.

O técnico com fama de Rei do acesso chegou falando demais e produzindo de menos. Assim como aconteceu em todo ano de 2010, Benazzi foi apresentado de surpresa, causando a revolta de Edson Neguinho, sendo que a diretoria engoliu a seco. Nosso time continuou jogando mal, mas o que deveria ser técnico, virou uma metralhadora de besteirol, atirando para todos os lados, bem como fazendo ameaças e gestos ofensivos, contrariando a cultura implantada na Ressacada, de sempre receber bem nossos visitantes.

Em que pese muitas pessoas afirmarem que Vagner Benazzi foi o salvador da pátria, nós não concordamos com esta situação. Existe apenas um responsável pela salvação deste ano, a TORCIDA. Ora, nossa equipe não apresentou qualquer melhora significativa, a qual pudesse ser relacionada à mudança no comando técnico. Nosso time não apresenta em campo jogadas ensaiadas, nem nas faltas ou nas cobranças de escanteio, muito menos alterações táticas, apenas jogam no embalo da torcida e na empolgação, no mais, vai na sorte.

Portanto, conquistar o tri campeonato apenas com a força da torcida será muito difícil, pois ainda nem temos um time e agora vamos sem técnico!

3 comentários:

Boto disse...

O titulo do tópico já diz tudo.
Deusmelivre, o Avaí tá numa marcha ré a 200 km/h.

Sergio Jr disse...

Agoro so nos resta rezar.

Chuleta Avaiana disse...

Prezados,

É muito desrespeito com o torcedor, só lembram que somos o maior patrimônio do clube, quando a situação ficou feia!

Difícil ser otimista com tantos acontecimentos negativos.

Abs.