segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Momentos Especiais

Bom dia, torcedor avaiano!

Antes de começar a falar sobre o nosso Leão, queria registrar aqui, dois momentos marcantes, vividos em dezembro, na companhia de amigos e familiares da Chuleta Avaiana. O primeiro ocorreu no dia 11, quando em um momento de fé, fomos até o santuário de Madre Paulina pagar uma promessa por manter o AVAÍ na Série A. Foi um dia especial, agradável e divertido. Destaque para nosso colega chuleteiro “Carlinhos”, responsável por lançar a ideia, e que, movido pela emoção, não segurou as lágrimas após a promessa ser cumprida. “Chora, mô querido, chora”, somos Série A!!!

O segundo momento, agora de pura descontração, foi a festa de confraternização da família da Chuleta Avaiana, realizada último dia 19. Com a colaboração de todos, especialmente do Presidente, nosso amigo Ronaldo Leal, e de André Costa, afilhado que tive a honra de introduzir na Chuleta, conseguimos realizar o evento. Não posso deixar de fazer uma menção honrosa ao nosso blogueiro André Couto, que conseguiu, inclusive, a sede para que a festa fosse realizada; ao Ricardo, que se tornou chuleteiro nesse ano e arrecadou brindes para que fossem distribuídos aos associados; e ao Rodrigo, que ajudou na logística das bebidas. Essas pessoas, além dos demais participantes, contribuíram para que a festa tivesse o brilho merecido. Foi um momento que, espero, seja repetido no próximo ano.

Vamos agora a história do futebol catarinense. Até o ano de 1924 o esporte era praticado no Estado por clubes que disputavam diversas modalidades como: atletismo, natação, remo, tiro ao alvo e também o futebol. Sentindo a necessidade de reunir os clubes em torno de uma entidade que orientasse e disciplinasse a prática desses esportes, de forma oficial, surgiu em Florianópolis a ideia da fundação de um órgão que congregasse os praticantes de todas as modalidades esportivas. Foi assim que depois de muitos debates, no dia 12 de abril de 1924, um grupo de desportistas reuniu-se para fundar a “LIGA SANTA CATHARINA DE DESPORTOS TERRESTRES”, tendo como ideais “ser uma escola condigna aos clubes filiados, com o patriótico intuito de proclamar o elevado grau de cultura da mocidade, que de há muito vem obtendo merecidos aplausos de nosso público”. Foi assim que, às 19 horas do dia 12 de abril de 1924, no amplo e artístico salão do Teatro do Ginásio Catarinense, comparecem os representantes dos clubes de futebol: “FLORIANÓPOLIS, FIGUEIRENSE, INTERNATO, TRABALHISTA E AVAHY”, os quais sob o impulso da mais perfeita cordialidade, tornaram-se fundadores da “LIGA SANTA CATHARINA DE DESPORTOS TERRESTRES”.

Já nosso Leão, como é sabido, já conheceu seu adversário na Copa do Brasil: será o Vilhena, de Rondônia. Time de pouca tradição no futebol brasileiro, tem em sua bandeira as cores azul, vermelho e branco. O clube é conhecido no Estado como "VEC", e seus torcedores são chamados de "Lobos do Cerrado". A partir de seus quatro títulos estaduais, conquistados em 2005, 2006, 2009 e 2010, a equipe possui hoje a maior média de torcedores por jogo. A curiosidade desse time é o horário dos treinamentos, que ocorriam, até pouco tempo atrás, às 4h30min da manhã, pelo fato de muitos jogadores trabalharem durante o dia.

As novidades começam a surgir na Ressacada. Márcio Azevedo, Patric e Válber já se despediram, Marquinhos está nos planos de Adilson Batista e está longe de voltar à equipe avaiana. A única contratação anunciada até agora foi o zagueiro Gian. O jogador começou a carreira no Rio Branco de Americana em 2002. No ano seguinte, defendeu as cores do Mogi-Mirim. Em 2004, atuou no Juventus-SP, depois, transferiu-se para o Marília onde ficou de 2005 a 2007. Em 2008, atuou no Ipatinga, e no ano 2009, jogou no Vasco da Gama. Vamos torcer para que tenha sido uma contratação acertada.

Por fim, quero desejar a todos os leitores um feliz Natal. Espero que o clima natalino invada a casa de cada um de vocês, e que o amor, a paz, a alegria, a harmonia e a amizade estejam presentes em seus lares. Semana que vem estaremos de volta com mais novidades em relação ao nosso time do coração.

*Jair Alcides dos Santos, vulgo Jajá, é torcedor e sócio do Avaí Futebol Clube. Membro da Associação de Amigos da Chuleta Avaiana, onde ocupa também a função de tesoureiro, Jajá é largo como Oswald de Souza: acerta tudo que é palpite e leva tudo que é prêmio de rifa e promoção onde deixa seu nome.

3 comentários:

Nesi Brina Furlani disse...

Graças ao Senhor que temos uma Santa na terra, pois este ano a Santa Paulina trabalhou muito pelo nosso Avai. Apoiando a idéia do Benazzi, também fomos visitar nossa forte Santa.

Sergio Junior disse...

Parabens a familia Chuleta Avaiana!

Chuleta Avaiana disse...

Obrigado à todos os leitores, comentaristas, colegas, enfim, avaianos ou mesmo torcedores do Tombense que acompanharam nosso blog nesta temporada.

Afinal, o blog existe para vcs!

Abs.