segunda-feira, 14 de março de 2011

Sem desistir, sem desanimar !

Por: Jair "Jajá" Alcides dos Santos*

Bom dia, torcedor avaiano.

A semana que passou não foi das melhores para o Avaí. Depois de uma vitória sofrível diante da equipe do Brusque, ficamos apenas no empate, com a boa equipe do Criciúma, no último domingo (13). Apesar da posição no campeonato e do resultado desastroso para as pretenções avaianas, foi visível a melhora da equipe. Marcinho Guerreiro voltou, e bem, fazendo uma ótima apresentação, coroada com o primeiro gol avaiano. Marquinhos Gabriel também fez uma boa estreia e ajudou o ataque do Leão, tanto, que no segundo gol teve participação decisiva, colocando seu xará na cara do gol.

Penso que a equipe azurra até fez uma boa partida, mas pecamos demais nas finalizações, esbarramos no bom goleiro Andrey, e para completar, Zé Carlos, mais uma vez, não estava em um bom dia. Aliás, queria destacar aqui que não lembro do nosso arqueiro ter realizado uma boa apresentação na competição. Se alguém recordar, favor postar nos comentários.

Para finalizar, sobre o campeonato catarinense, ainda acredito no Avaí, e no tricampeonato. Nosso time do coração está acostumado a se superar, a vencer dificuldades, a não se entregar, e é com esse pensamento e espírito que acredito, ainda teremos muito o que comemorar. O resultado não foi o esperado, realmente, não foi, todavia, enquanto existir esperanças, estaremos sempre do lado do Leão. “Vamo, vamo, Avaí”!

Mudando de ares, temos no meio de semana um desafio pela Copa do Brasil. O adversário é o Ipatinga, de Minas Gerais, que empatou neste final de semana com a equipe do Atlético Mineiro. Uma vitória por uma diferença superior a dois gols deixa o Avaí na terceira fase da competição. A equipe do Ipatinga é muito mais qualificada do que a modesta equipe do Vilhena. É um bom desafio para que o time continue demonstrando seu crescimento, sua força. “Vamos pra cima deles Leão”!

Contando mais um pouquinho da história do futebol catarinense, temos o surgimento do além das pontes, que é mais velho que nosso time do coração. O nascimento daquele que viria a ser nosso maior rival no futebol catarinense, aconteceu no ano de 1921. O time “deles” surgiu na Ilha de Santa Catarina, nossa bela Florianópolis, no bairro da Figueira, de onde nasceu o nome. Mais tarde, de malas e bagagens, o além das pontes mudou-se para o estreito (graças a Deus). Assim, só o Azul e branco passou a reinar na Ilha, e ninguém mais ousou tentar dividir esse espaço com o Leão. Na próxima postagem trataremos do nascimento do nosso Avaí. Aguarde e confira!

Amigos leitores, por hoje é só, na próxima semana voltaremos com mais informações, inclusive abordando a participação da equipe azurra na Copa do Brasil.

*Jair Alcides dos Santos, vulgo Jajá, é torcedor e sócio do Avaí Futebol Clube. Membro da Associação de Amigos da Chuleta Avaiana, onde ocupa também a função de tesoureiro, Jajá é largo como Oswald de Souza: acerta tudo que é palpite e leva tudo que é prêmio de rifa e promoção onde deixa seu nome.

4 comentários:

Dinho disse...

O Avaí já demorou demais prá engrenar no catarinense. Mesmo sendo contra um time qualificado como o Criciúma, não era prá ter cedido esse empate! Agora o que nos resta é buscar uma vitória fora de casa, beliscar empates e OBRIGATORIAMENTE vencer todos os restantes em casa, senão...Tchau Trí! Silas estamos esperando a evolução do time até agora! Acorda treinador! Acorda Avaí!

Se ainda acredito? É claro que sim! Nos momentos mais difíceis, aí mesmo é que o Leão ruge alto!!!
Que venha também a Copa Do Brasil!

Vai Prá Cima Deles Leão!!!

Jair disse...

É isso aí Dinho, desistir jamais! Vamos para cima deles Leão. Um abraço.

GiSevero disse...

Jajá, o Zé fez ótimas defesas no jogo contra o Brusque, só pra falar de ultimanente. Historicamente joga mal contra o Cricri. Acho uma sacanagem a crucificação geral que está sendo feita a ele. O cara tem história dentro do nosso AVAÍ, pô!

PS. "Ilha de Florianópolis não existe... a Ilha é de Santa Catarina. Florianópolis é o nome da capital, que é a ilha de SC e a parte continental onde moram as hortaliças velhas...hehehe

Jair disse...

Oi querida Gi, já corrigi a informação, foi mal! rsrsrsrs
Quanto ao Zé Carlos, acho que ele está devendo faz tempo. Particularmente, penso que o Avaí deveria buscar outras opções, principalmente já pensando no brasileiro. Um abraço. Jajá