segunda-feira, 23 de maio de 2011

Compactação Avaiana !

Por: Jair "Jajá" Alcides dos Santos

Bom dia, torcedor avaiano.

Começamos a fase semifinal da Copa do Brasil com ótimo resultado. A equipe, apesar dos desfalques, fez uma ótima partida e o resultado só não foi melhor por um capricho dos Deuses do futebol. A final da competição brasileira está muito próxima, é só manter a seriedade e a mesma pegada que chegaremos lá, pois mesmo com algumas limitações e ausências, nossa equipe tem se mostrado compacta e difícil de ser batida. “Vamo, vamo, Avaí”!

Fico impressionado com a evolução do sistema defensivo. Nosso maior problema no início da temporada passou a ser um ponto forte e de equilíbrio. A força de Marcinho Guerreiro, o combate de Bruno, a tranquilidade de Gustavo Bastos, a juventude e talento do nosso arqueiro Renan passam uma tranquilidade que não imaginávamos alcançar tão cedo. Silas conseguiu, definitivamente, dar um padrão de jogo para a equipe, e independente de quem entra, a força azurra não perece.

Temos também o Campeonato Brasileiro, que não será prioridade até o último jogo da Copa do Brasil, mas não podemos bobear, pois ela é a competição nacional mais importante e queremos fazer parte dela ainda por muitos anos. A derrota para o Flamengo era até previsível, e poderia ser considerada normal, o que não precisávamos era de uma goleada, ainda que tivéssemos jogado com um time reserva.

Agora é lotar a bela Ressacada na próxima quarta-feira, fazer o caldeirão ferver e ajudar nosso time azurra a chegar na final da competição. A Copa Libertadores da América e um título nacional nunca estiveram tão próximos, precisamos apoiar do início ao fim nosso Avaí. Vamos para cima deles Leão.

Falando um pouquinho de história, como mencionamos na postagem anterior, se esperava muito da nova entidade que viria a comandar o futebol catarinense; entretanto, enfrentando uma crise remanescente dos tempos da antiga Liga Santa Catarina, a Federação Catarinense de Desportos se depara com novos problemas com seus filiados, que desejam outra entidade para administrar seus jogos. Nessa época quem presidia a entidade era o senhor Otávio de Oliveira.

Em 21 de abril daquele ano (1928) a imprensa divulga e os desportistas tomam conhecimento de que esses Clubes eram o Josefense e Guarani, de São José; Guarani, de Palhoça, e Flamengo de Coqueiros, os quais, sem demora, fundaram em São José, a “Liga Continental de Sports”. Será que esses clubes conseguiram desestruturar a entidade recém-criada? A resposta para essa pergunta eu conto na próxima postagem.

Amigos leitores, até a próxima segunda-feira com mais informações sobre o nosso Leão. Seu Acácio, quarta-feira estaremos aí para saborear a deliciosa chuleta avaiana.

2 comentários:

Serjão Jr disse...

Vamoooooooooooooooo! Mas, Silas cuidado com o craque adversario. No minimo o melhor deles tem que ser marcado. O pedido ja é antigo, o problema é que isso sempre é igonrado. Pior, desde a primeira vinda de Silas. Lembro isso é o basico.

Dinho 音楽、愛、平和と信仰 disse...

Quanto ao jogo contra o Vasco acredito, que assim como o primeiro confronto, será de muita pegada!
Que o nosso Avaí possa ter virado a página (derrota, vexame, contra o Flamengo) e mostrar que na Ressacada quem manda é o Leão! Nossa Camisa 12 fará a Diferença, com certeza, que em campo eles possam sentir esse "empurrão" da Torcida e ir prá cima do Vasco, com garra e determinados a Vitória!
Sou Mai Avaí!!!

Vai Prá Cima Deles Leão!!!